Desejo noturno

03mar15

Então na luz do sol

O primeiro de todos juntos

O brilho de um agouro surdo

O rugir de dois reinos

Foi quando eles marcharam

Pelo ar, entre as nuvens

Foi a nova luz de medo

Da incerteza da vitória

O guerreiro e o príncipe

Vagaram nos céus

O semblante, um só

Olhares gatunos,

Segredos ocultos,

Sentimentos vãos

O primeiro deles,

O primeiro dos dois juntos

E eles marcharam

Mas não sabiam

Ninguém saberia

Da balada do triste fim

Nem mesmo os deuses,

Bardos, reis e bruxas

Ninguém saberia dizer

O caminho longo a percorrer

A estrada dos corações

Inquietos corações

Mas sinceros, sempre assim

(03/03/2015, 00:26)

Anúncios


No Responses Yet to “Desejo noturno”

  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: